Ultimas

29/09/2013

Nos acréscimos, estreante faz golaço e CRB empata com Cuiabá

Foto: Tnh1
Com uma meia-bicicleta do estreante Alex Wilian aos 48' do segundo tempo, o CRB conseguiu empatar por 1 x 1 com o Cuiabá, em jogo que foi disputado neste domingo, (29), no estádio Rei Pelé, válido pela décima sexta rodada dacompetição nacional. O gol do time do Mato Grosso foi marcado aos seis minutos do primeiro tempo, com o zagueiro Gustavo, de cabeça.
Apesar de ter empatado a partida, o CRB perdeu a oportunidade de assumir a liderança do grupoA da Série C. Até o fechamento da rodada, o Galo ocupa a quarta posição, com 29 pontos. Santa Cruz e Sampaio Correia se enfrentam às 19h ainda deste domingo.
Sem contar com o volante Johnnattan, que fraturou o tornozelo e não deve mais atuar nessa temporada, o CRB entrou em campo com três atacantes, Afonso, Reinaldo Alagoano e Denilson, formação que não rendeu o esperado, na etapa inicial de jogo.
Surpreendido pela forte marcação do Cuiabá-MT, o CRB não teve tempo para entender qual seria a proposta de jogo do adversário porque, em uma falta pela esquerda, o ala Grafite cobrou a falta, a bola viajou e Gustavo marcou para o time do Verde, logo aos seis minutos de jogo.
Atordoado com a marcação do gol do Cuiabá, o CRB seguiu perdido em campo, sem acertar as jogadas ofensivas e sem um meia para tentar articular as jogadas de ataque. Por sua vez, o Cuiabá explorou contra-ataques com o rápido e habilidoso ala-esquerdo Natanael, e não ampliou o placar, aos 13', com Douglas Packer, aos 25', com Natanel em cobrança de falta e com Magrão aos 29' porque não foi competente.
Para se ter ideia do futebol abaixo da média jogado pelo CRB na primeira etapa, o Galo da Pajuçara só chegou com perigo aos 30', depois que Denílson brigou, ganhou a bola e João Victor chutou dentro da área para excelente defesa de Emerson.
A partir desse lance, o CRB ensaiou uma pressão e, com bolas alçadas, buscou o empate. O problema é que todo sistema defensivo do Cuiabá é muito alto e cortou todas as tentativas dos alagoanos que saíram vaiados do Rei Pelé para o intervalo de jogo.
No segundo tempo, o técnico Roberval Davino tentou corrigir o erro que cometeu ao escalar e começar o jogo com três atacantes. No intervalo, o treinador alvirrubro tirou Afonso e colocou o lateral-esquerdo Bruno Recife. Com a mudança, João Victor saiu da lateral-esquerda e passou a atuar como meia pelo mesmo lado. 
A mudança deu mais fôlego ao time do CRB. Na pressão, o Galo da Pajuçara por pouco não empata depois que Diego Aragão desviou a bola e deixou Denílson na cara do gol. Ele bateu e Emerson fez boa defesa, logo aos 4' do tempo final. Aos 7', Paulo Sérgio cruzou e Denílson, mais uma vez, chegou para cabecear e mandar por cima da trave do Cuiabá. 
Depois de passados os 15' minutos iniciais, a pressão diminuiu e o Cuiabá voltou a explorar os contra-ataques, mas sem a mesma força do primeiro tempo. Sem conseguir o que queria que era o empate, Roberval Davino tirou o lateral-direito Paulo Sérgio, que não fez bom jogo, deslocou Diego Aragão para a posição e pôs o meia Danilo Sacramento.
Aos 27', João Victor tentou cruzar, mas a bola acertou a trave esquerda de Emerson e saiu. Mas aos 29', o habilidoso meia Fernando entrou sem marcação na área do CRB e bateu para defesa de Júlio César. Um minuto depois, Roberval Davino utilizou sua terceira substituição: tirou João Victor e promoveu a estreia de Alex Willian.
A estrela dele e do técnico Roberval Davino brilharam. De tanto insistir nas bolas aéreas, o CRB chegou gol de empate aos 48' do segundo tempo, depois que Diego Aragão cruzou, Denílson brigou no alto com a defesa e Alex Willian pegou de meia-bicicleta para deixar tudo igual e fazer soltar o grito de gol do CRB, engasgado durante os mais de noventa minutos de jogo.
"Deus me ajudou a entrar e fazer um golaço como esse. Agradeço a todos os meus companheiros pelo apoio desde que cheguei aqui no CRB e ofereço o gol à torcida do CRB", virbou o meia do CRB.
Ficha técnica:
Árbitro: Francisco Neves Correia (RS)
Assistentes: José Antônio Filho (RS) e Silbert Faria Sisquim (RJ)
CRB – Júlio César; Paulo Sérgio (Danilo Sacramento), Daniel Marques, Marcus Vinícius e João Victor; Marcinho Guerreiro, Audálio, Diego Aragão; Afonso (Bruno Recife), Reinaldo Alagoano e Denílson. Técnico Roberval Davino.
Cuiabá: Emerson; Alemão, Mirita e Gustavo; Grafite, Bogé, Josa, Fernando e Natanael; Douglas Packer e Magrão (Lessa).
Fonte: Tnh1

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Palmeira Esporte
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates