Ultimas

01/10/2013

ASA perde por 4 x 0 para a Chapecoense e assume a lanterna do Brasileiro da Série B.

Depois de duas derrotas fora de casa, a Chapecoense começava a se alarmar: onde estaria o futebol apresentando no avassalador primeiro turno? Pois a respostaveio no jogo desta terça-feira, na Arena. Um 4 a 0 sonoro sobre o ASA e a segunda posição assegurada, além da equipe estar cada vez mais próxima da divisão de elite do futebol brasileiro.

Para a equipe alagoana, resta lamentar: é a última colocada. Agora, receberão o Ceará, enquanto o Verdão do Oeste catarinense faz o clássico contra o Joinville, em casa.

O jogo


Fazendo valer a força da torcida, a Chapecoense começou em cima do adversário, que veio com a proposta de se fechar no campo de defesa e conseguir agarrar alguma oportunidade de contra-ataque. Neném e Tiago Luís ditavam o ritmo lá na frente, mas quem abriu o placar foi um jogador diferente.

Aos 15 minutos, a bola sobra para Athos após falha bizarra da defesa, e o meia, com muita classe, encobre o goleiro Gilson para fazer 1 a 0. Nos minutos seguintes, a Chape continuou melhor em campo, mas não converteu a vantagem em gol.

Então, aos poucos o ASA foi crescendo na partida, e desperdiçando diversas oportunidades de empatar. Em uma delas, Jefferson Maranhense pisou na bola dentro da pequena área. Com isso, o intervalo chegou e o placar se mantinha o mesmo.

Segundo tempo


E quem voltou melhor para a etapa final foi o time da casa. Jogando sempre com muita velocidade, o segundo gol apareceu logo aos 6 minutos. Após belo lançamento de Tiago Luís, ela sobrou para Bruno Rangel que deu uma igualmente bela cavadinha e ampliou para 2 a 0.

A partida, com o passar do tempo, foi perdendo o ímpeto inicial. Poucas jogadas de efeito eram criadas dos dois lados, a única que realmente chegou a assustar saiu com o ASA, em cobrança de falta de Didira que explodiu no travessão.

Porém, quando a rede voltou a balançar foi para a equipe da Chape. Aos 32 minutos, Neném dá lindo drible sobre o zagueiro e chuta, a bola explode no travessão e volta na cabeça do artilheiro Bruno Rangel, 3 a 0. Cinco minutos mais tarde, a torcida voltaria a comemorar.

Contando com nova falha da defesa do ASA, Diego Felipe marcou o quarto gol da Chapecoense na partida, selando o caixão dos alagoanos. Final de jogo, 4 a 0 e a vaga na Série A está mais perto do que nunca.

Ficha técnica: Chapecoense 4x0 ASA


Local: Estádio Arena Condá, em Chapecó (SC)
Data: 1/10/2013
Horário: 19h30
Público: 6.430 torcedores.
Renda: R$ 56.475,00
Arbitragem: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN), auxiliado por Marconi Helbert Vieira (MG) e Frederico Soares Vilarinho (MG).
Cartões Amarelos: Fabiano, Tiago Saletti (Chapecoense); Wellington (ASA).
Gols: Athos, aos 15/1T, Bruno Rangel, aos 6/2T e aos 32/2T e Diego Felipe, aos 37/2T (Chapecoense).

Chapecoense
Nivaldo; Fabiano, Tiago Saletti (Alemão), André Paulinho, Fabinho Gaúcho; Wanderson, Paulinho Dias, Athos (Potita), Neném; Tiago Luís (Diego Felipe) e Bruno Rangel.
Técnico: Gilmar Dal Pozzo

ASA
Gilson; Samuel, Wellington (Diego Clementino), Cássio; Osmar, Basílio (Djair), Jorginho, Didira, Glaybson; Elionar Bombinha e Jefferson Maranhense (Wanderson).
Técnico: Ricardo Silva
Fonte: Futebol SC

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Palmeira Esporte Notícias
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates