Ultimas

17/03/2016

CSE encerra primeira fase do alagoano com a segunda pior média de público

A 10ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Alagoano 2016 registrou os menores públicos da competição até o momento. Cerca de 4.500 pessoas assistiram aos cinco jogos da rodada, e a média foi de 916 pessoas por partida, de acordo com os borderôs divulgados pela Federação Alagoana de Futebol (FAF).
Com isto, as médias dos clubes que foram mandantes diminuíram, especialmente a do CSA. O Azulão enfrentou o Santa Rita no Estádio Rei Pelé com um público total de 2.962 pessoas. Antes, o menor público em um jogo da equipe maruja havia sido na 4ª rodada, contra o Penedense, que teve 6.382 presentes. Como consequência, a média do CSA caiu de 10.257 para 8.798.
Outro que teve a média diminuída foi o ASA, que também registrou seu menor público na competição. No duelo contra o Coruripe, que terminou com uma derrota de virada do Alvinegro por 2 x 1, apenas 777 pessoas ocuparam o Estádio Coaracy da Mata Fonseca. Assim, a média do ASA caiu de 2.279 para 1.979.
Os públicos, no entanto, não mudaram muito a disposição dos times no ranking de médias de público. O Penedense voltou a subir para a sétima posição com média de 618, ultrapassando o Murici, agora com 590. O último colocado ainda é o Sete de Setembro, com média de 277 pessoas por partida.
Confira o ranking de média de público no Alagoano 2016:
▬ 1 - CSA: 8.798
▬ 2 - CRB: 6.028
▬ 3 - ASA: 1.979
▬ 4 - Santa Rita: 947
▬ 5 - Ipanema: 751
▬ 6 - Coruripe: 709
▲ 7 - Penedense: 618
▼ 8 - Murici: 590
▬ 910- CSE: 526
▬ 10 - Sete de Setembro: 277
(Dados referentes a públicos totais contabilizados até a 10ª rodada)
Maiores públicos:
CSA x CRB – 14.700 pagantes (17.004 presentes)
CRB x CSA – 13.230 pagantes (14.829 presentes)
CSA x Ipanema – 7.780 pagantes (8.897 presentes)
Menores públicos:
Penedense x Murici – 103 pagantes (123 presentes)
Penedense x Sete de Setembro – 120 pagantes (155 presentes)
Sete de Setembro x Ipanema – 124 pagantes (156 presentes)
(Dados referentes a públicos totais contabilizados até a 10ª rodada)

Fonte: Tnh1

Um comentário:

  1. Dakson Pereira18/03/2016 13:06

    A matéria é assinada pelo diretor de marketing e assessor de imprensa do CSE, e chama a atenção. O CSE, acostumado a encher o seu estádio, somente ganha do Sete que não joga em seu próprio estádio e que é um time sazonal. Perde para o Penedense, que também não manda seus jogos na sua cidade e para o Ipanema, que ainda não obteve uma única vitória em seus dez jogos. O que há de errado no CSE que não obtém resultados, apesar de ter um orçamento que beira os R$ 200.000? O orçamento do Penedense e do Ipanema para a temporada inteira é mais ou menos o orçamento do CSE para um mês. E os resultados não aparecem. O que há de errado? A diretória incorre nos mesmos erros? Os vícios dentro do clube estão derrotando? Pessoas erradas em pontos chave? Ingerência política dentro do clube? O clube servindo de projeção pessoal de alguns em detrimento do próprio clube? O que há. Tá aí, uma boa pauta: investigar isso.

    ResponderExcluir

 
Copyright © 2013 Palmeira Esporte Notícias
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates