Ultimas

24/04/2016

Betinho comemora chegada de reforços do ASA e intensifica treinos para a Copa do Brasil

Foto: Ascom ASA
Em processo de reformulação e ao mesmo tempo às vésperas de um jogo decisivo na Copa do Brasil, o técnico Betinho fez uma análise do grupo que tem em suas mãos e falou sobre o jogo de volta que acontece na próxima quinta-feira (28), no Estádio Municipal Coaracy da Mata Fonseca.
Só nesta semana, o comandante alvinegro recebeu um pacote com dez atletas, sendo seis deles vindos de uma parceria com a equipe do Santa Rita e outros quatro que chegaram a seu pedido, a exemplo do experiente volante Ramalho.
– São jogadores que a grande maioria nós conhecemos e alguns deles até trabalhamos juntos. Nós temos uma decisão importante na quinta-feira, pela Copa do Brasil, contra o Genus e precisamos reverter. Tivemos uma semana proveitosa, conseguimos trabalhar com aqueles atletas que já estavam por aqui e conhecendo eles mais particularmente, eles também conhecendo a maneira e a forma de trabalho.
O técnico Betinho afirmou que outros nomes foram pedidos a diretoria executiva do Gigante Arapiraquense e que em breve outros atletas chegarão para suprir a necessidade do elenco na temporada.
– Estamos conversando com alguns atletas, estamos de olho no mercado, a necessidade é grande, temos carências em algumas posições, mas nós estamos tentando, já que alguns campeonatos ainda estão em atividade se encerrando agora. Para a Copa do Brasil talvez chegue mais uma ou duas peças, mas para uma Série C nós iremos fortalecer ainda mais esse grupo.
RELACIONAMENTO COM OS ATLETAS
Por ser ex-jogador, o treinador do Gigante Arapiraquense afirmou saber do sentimento que cada um tem dentro e fora de campo, mas que dentro da sua filosofia de trabalho irá cobrar nas quatro linhas melhorias para dias melhores nas competições.
– Cada um tem uma maneira de trabalhar e o sentimento de atleta eu tenho, então eu sei como é importante estar cobrando deles e também elogiando os trabalhos que cada um faz no dia a dia. Tenho certeza que a maneira que a gente trabalha, dando liberdade para todos, orientando e cobrando dos atletas e ao mesmo tempo em que eles saibam que isso tudo é para o bem deles, pois estando bem, tanto na parte física, quanto na técnica as coisas vão acontecer de maneira muito melhor do que aconteceu no Estadual.
– Todos os atletas são importantes, pois não vamos conquistar um título apenas com 11 jogadores, mas sim com um grupo. Eu faço com que eles se sintam importantes, dou atenção a todos e ao mesmo tempo cobro em termos de reposicionamento aquilo que eu quero dentro do jogo, então eu faço essas mudanças por que qualquer um deles quando forem entrar vão saber o que tem que ser feito.
COPA DO BRASIL
Sabendo da responsabilidade de reverter o resultado do primeiro jogo, quando o ASA foi derrotado pela equipe rondoniense pelo placar de 2 a 0, o comandante alvinegro apontou que está estudando o Genus e promete correr riscos para sair com a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil.
– Eu tive a oportunidade de assistir o Genus e ASA, já vi a equipe deles jogando contra o ASA lá, tenho acompanhado que eles estão na final do turno e a gente tem que tirar informações, a maneira tática como a equipe deles se posta e esperamos na próxima semana encaixar um bom time pra iniciar o jogo. Estamos perdendo o jogo por dois a zero e temos que reverter. Nós vamos ter de correr riscos, temos de fazer uma pressão no adversário no início do jogo, procurar fazer o gol mais rápido e é lógico, dentro desses riscos, a gente tem que estar atento no setor defensivo, pois muitas vezes vamos ficar de mano a mano e os atacantes deles são de velocidade, nós temos de ter atenção, mas os riscos são inevitáveis para que a gente possa fazer esse gol e jogar a pressão pra cima deles.

Fonte: Minuto Esportes

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Palmeira Esporte
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates